Objectos Em Trânsito - The Hands That Feed You

The Hands That Feed You – Objectos Em Trânsito
11 OUTUBRO – 9 NOVEMBRO / 11 OCTOBER – 9 NOVEMBER
11.00-18.00h (SEGUNDA a SEXTA FEIRA) / 11 am-6 pm (MONDAY to FRIDAY)
LOCAL / PLACE: Camões – Centro Cultural Português em Maputo
MAPA / MAP →

EXPOSIÇÃO

EXHIBITION
SOBRE A EXPOSIÇÃO

OBJECTOS EM TRÂNSITO (The Hands That Feed You) traça mapas de dependência económica, política, social e psicológica, através de situações e assuntos dos dias que correm. Esta exposição apresenta trabalhos elaborados por João Roxo nos últimos três anos, através dos quais o artista visual e designer propõe cenários especulativos, hipotéticos, de emancipação e fuga ao sistema, no qual hierarquias visuais são impostas e o preconceito generalizado se materializa em códigos gráficos e estímulos semióticos que aumentam e perpetuam a distância entre hemisférios, geográficos e subconscientes.

Este imaginário narra um mundo no qual a intuição e o engenho se revelam valores fundamentais de uma luta revolucionária pela reinvenção da humanidade, um “Terceiro Espaço”, de diálogo, onde a informalidade é valorizada e a auto-suficiência é perseguida. Roxo explora aqui a relação que a comunicação visual estabelece com este sistema e propõe um protesto passivo através da criatividade, da Arte e do Design – por outras palavras uma exaltação do valor da mão do artesão como ponto de partida e veículo de libertação.

Para esta primeira exposição individual (em Maputo, sua cidade-natal), João convida vários autores e artesãos a participar na construção deste universo. Beto Sitoe (MZ), Castigo Alexandre Passana (MZ), Chris Born (EU/MZ), Danger Gevaar Ingozi Studio (ZA), Fred Paulino (BR), Patrícia Anahory (PT/CV), Rafael Kouto (SW/TG), Ralph Borland (SA), Russel Hlongwane (SA), Ruth Castel-branco (MZ), Rui Tenreiro (MZ), Hannes Bernard (ZA) e Guido Giglio (BR) – Sul Sol Sal, Tassiana Tomé (MZ), Tavares Cebola (MZ) e Tiago Borges Coelho (MZ) colaboram nos vários suportes expostos.

 

ABOUT THE EXHIBITION

THE HANDS THAT FEED YOU (Objectos em Trânsito) traces maps of economic, political, social and psychological dependency, through present day affairs and situations. This exhibition presents artworks developed by João Roxo over the last three years, through which the visual artist and designer proposes speculative, hypothetical scenarios of emancipation and escape from the system, in which visual hierarchies are imposed and generalized prejudice materializes in graphic codes and semiotic stimuli enhance and perpetuate the distance between hemispheres, geographic and subconscious.

This imaginary tells of a world in which intuition and resourcefulness are core values in a revolutionary strive to reinvent mankind. A Third Space, where informality is acknowledged and self-reliance is pursued. Roxo revolves around the dialogue that visual communication establishes with this system and proposes a passive form of protest through creativity, Art and Design – in other words the exaltation of the value of the artisan’s hand as a vehicle for liberation.

For his first individual exhibition (in Maputo, his hometown), João invites various authors and artisans to partake in the construction of this universe. Beto Sitoe (MZ), Castigo Alexandre Passana (MZ), Chris Born (EU/MZ), Danger Gevaar Ingozi Studio (ZA), Fred Paulino (BR), Patrícia Anahory (PT/CV), Rafael Kouto (SW/TG), Ralph Borland (SA), Russel Hlongwane (SA), Ruth Castel-branco (MZ), Rui Tenreiro (MZ), Hannes Bernard (ZA) e Guido Giglio (BR) – Sul Sol Sal, Tassiana Tomé (MZ), Tavares Cebola (MZ) e Tiago Borges Coelho (MZ) collaborate in the various exhibited media.

SOBRE O ARTISTA

Designer e artista visual moçambicano, João Roxo é co-fundador da ANIMA Estúdio Criativo, o primeiro colectivo dedicado à comunicação para a Arte, a Cultura e o Desenvolvimento Social. Graduado pela Universidade de Aveiro, completou mais recentemente o Mestrado no departamento de Design do Sandberg Instituut, em Amesterdão. João pretende explorar modelos educacionais renovados e sustentáveis, ​​dentro e ao redor da prática do Design, fundados na independência criativa. Actualmente, vive e trabalha em Maputo.

 

ABOUT THE ARTIST

Mozambican designer and visual strategist, João Roxo is co-founder of Anima Creative Studio, the first local collective focusing on communication for the Arts, Culture and Social Development at large. Graduated with a BA from the University of Aveiro, he more recently completed an MFA from the Design Department at the Sandberg Instituut in Amsterdam. João is interested in exploring new and sustainable educational models within and around the design practice, founded on creative self-reliance. He currently lives and works in Maputo.

PARCEIROS DO MFF2018

MFF2018 PARTNERS

Os nossos Patrocinadores

Our Sponsors

Sobre o Maputo Fast Forward

About Maputo Fast Forward
O Maputo Fast Forward é uma plataforma dedicada à Criatividade e à Inovação em Moçambique. O seu objectivo é ser um espaço de referência dedicado, à reflexão, ao debate, à apresentação de projectos e ideias, à análise de tendências, à troca de experiências e à constituição de redes entre todos aqueles que, das artes às ciências, da tecnologia ao design, da arquitectura aos media, da gastronomia à moda, das empresas às organizações sociais, reconhecem na criatividade e na inovação os motores da nova economia do conhecimento.

MFF was launched in 2016 as an open platform engaged in promoting creativity and innovation. Its main objective is to help Mozambican creators and innovators across all fields of activity (arts, culture, design, architecture, technology, etc.) to develop and present their projects, engage in fruitful trans-disciplinary debates and develop collaborations in order to establish an ecosystem that will allow them to expand their creative skills and to participate, through the exploration of networking opportunities, in the “global conversation” that is taking place within the “creative industries” sector.

maputofastforward.com

UMA INICIATIVA DA